Serviços qualificados de gestão e assistência à saúde com excelência, sendo preferência e referência pelo seu diferencial nos processos de trabalho e resultados esperados.



Confira o conteúdo a seguir e esclareça suas dúvidas sobre o novo coronavírus.

Os coronavírus são uma grande família de vírus que podem causar doenças em animais ou humanos. Em humanos, sabe-se que vários coronavírus causam infecções respiratórias que variam do resfriado comum a doenças mais graves, como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS) e a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS). O coronavírus descoberto mais recentemente causa a doença de coronavírus COVID-19.

COVID-19 é a doença infecciosa causada pelo coronavírus descoberto mais recentemente. Este novo vírus e doença eram desconhecidos antes do início do surto em Wuhan, China, em dezembro de 2019.

Os sintomas mais comuns do COVID-19 são febre, cansaço e tosse seca. Alguns pacientes podem ter dores, congestão nasal, corrimento nasal, dor de garganta ou diarréia. Esses sintomas geralmente são leves e começam gradualmente. Algumas pessoas são infectadas, mas não desenvolvem sintomas e não se sentem mal. A maioria das pessoas (cerca de 80%) se recupera da doença sem precisar de tratamento especial. Cerca de 1 em cada 6 pessoas que recebe COVID-19 fica gravemente doente e desenvolve dificuldade em respirar. As pessoas idosas e as que têm problemas médicos subjacentes, como pressão alta, problemas cardíacos ou diabetes, têm maior probabilidade de desenvolver doenças graves. Pessoas com febre, tosse e dificuldade em respirar devem procurar atendimento médico.

As pessoas podem pegar o COVID-19 de outras pessoas que têm o vírus. A doença pode se espalhar de pessoa para pessoa através de pequenas gotículas do nariz ou da boca que se espalham quando uma pessoa com COVID-19 tosse ou exala. Essas gotículas pousam em objetos e superfícies ao redor da pessoa. Outras pessoas pegam o COVID-19 tocando esses objetos ou superfícies e depois tocando nos olhos, nariz ou boca. As pessoas também podem pegar COVID-19 se respirarem gotículas de uma pessoa com COVID-19 que tosse ou exala gotículas. É por isso que é importante ficar a mais de 1 metro (3 pés) de uma pessoa doente.
Estudos até o momento sugerem que o vírus que causa o COVID-19 é transmitido principalmente pelo contato com gotículas respiratórias, e não pelo ar.

MEDIDAS DE PROTEÇÃO PARA TODOS

• Limpe regularmente e cuidadosamente as mãos com álcool gel ou lave-as com água e sabão.
• Mantenha pelo menos 1 metro de distância entre você e qualquer pessoa que esteja tossindo ou espirrando.
• Evite tocar nos olhos, nariz e boca.
• Certifique-se de que você e as pessoas ao seu redor seguem a etiqueta respiratória. Isso significa cobrir a boca e o nariz com o cotovelo ou lenço de papel quando tossir ou espirrar. Em seguida, descarte o lenço usado no lixo.
• Fique em casa se não se sentir bem. Se você tiver febre, tosse e dificuldade em respirar, procure atendimento médico e ligue com antecedência. Siga as instruções da sua autoridade sanitária local.
• Evite viajar para lugares onde há registro de casos do COVID-19 - especialmente se for uma pessoa idosa ou tiver diabetes, doenças cardíacas ou pulmonares.

MEDIDAS DE PROTEÇÃO PARA PESSOAS QUE ESTÃO OU VISITARAM RECENTEMENTE (HÁ 14 DIAS) ÁREAS EM QUE O COVID-19 ESTÁ SE ESPALHANDO

• Siga as orientações descritas acima (medidas de proteção para todos).
• Isole-se em casa se você começar a se sentir mal, mesmo com sintomas leves como dor de cabeça, febre baixa (37,3 C ou mais) e corrimento nasal leve, até você se recuperar. Se for essencial que alguém lhe traga suprimentos ou saia, por exemplo, para comprar comida, use uma máscara para evitar infectar outras pessoas.
• Se você desenvolver febre, tosse e dificuldade em respirar, procure orientação médica imediatamente, pois isso pode ocorrer devido a uma infecção respiratória ou outra condição séria. Ligue com antecedência e informe seu provedor de qualquer viagem recente ou entre em contato com os viajantes.

A doença devido à infecção por COVID-19 é geralmente leve, especialmente para crianças e adultos jovens. No entanto, pode causar doenças graves: cerca de 1 em cada 5 pessoas que a pegam precisa de cuidados hospitalares. Portanto, é bastante normal que as pessoas se preocupem com o impacto do surto de COVID-19 sobre elas e seus entes queridos.
Podemos canalizar nossas preocupações em ações para proteger a nós mesmos, nossos entes queridos e nossas comunidades. Em primeiro lugar, entre essas ações está a lavagem regular e completa das mãos e a boa higiene respiratória. Em segundo lugar, mantenha-se informado e siga os conselhos das autoridades locais de saúde, incluindo quaisquer restrições impostas a viagens, movimentação e reuniões.

Enquanto ainda estamos aprendendo sobre como o COVID-2019 afeta pessoas, idosos e pessoas com condições médicas pré-existentes (como pressão alta, doenças cardíacas, doenças pulmonares, câncer ou diabetes) parecem desenvolver doenças graves com mais frequência do que outros.

Use uma máscara apenas se estiver com sintomas de COVID-19 (principalmente tosse) ou cuidando de alguém que possa ter COVID-19. A máscara facial descartável pode ser usada apenas uma vez. Se você não está doente ou está cuidando de alguém que está doente, está desperdiçando uma máscara. Existe uma escassez mundial de máscaras, por isso a OMS recomenda às pessoas que usem máscaras com sabedoria.
A OMS recomenda o uso racional de máscaras médicas para evitar o desperdício desnecessário de recursos preciosos e o uso indevido de máscaras ( consulte Informações sobre o uso de máscaras ).
As maneiras mais eficazes de proteger a si e aos outros contra o COVID-19 são limpar frequentemente as mãos, cobrir a tosse com a curva do cotovelo ou tecido e manter uma distância de pelo menos 1 metro das pessoas que tossem ou espirram .

O "período de incubação" significa o tempo entre a captura do vírus e o início dos sintomas da doença. A maioria das estimativas do período de incubação do COVID-19 varia de 1 a 14 dias, geralmente em torno de cinco dias. Essas estimativas serão atualizadas à medida que mais dados estiverem disponíveis.

Não é certo quanto tempo o vírus que causa o COVID-19 sobrevive na superfície, mas parece se comportar como outros coronavírus. Estudos sugerem que os coronavírus (incluindo informações preliminares sobre o vírus COVID-19) podem persistir nas superfícies por algumas horas ou até vários dias. Isso pode variar sob diferentes condições (por exemplo, tipo de superfície, temperatura ou umidade do ambiente).
Se você acha que uma superfície pode estar infectada, limpe-a com um desinfetante simples para matar o vírus e proteger a si e aos outros. Limpe as mãos com um esfregão à base de álcool ou lave-as com água e sabão. Evite tocar nos olhos, boca ou nariz.

Ainda não. Até o momento, não há vacina nem medicamento antiviral específico para prevenir ou tratar o COVID-2019. No entanto, as pessoas afetadas devem receber cuidados para aliviar os sintomas. Pessoas com doenças graves devem ser hospitalizadas. A maioria dos pacientes se recupera graças aos cuidados de suporte.
Possíveis vacinas e alguns tratamentos medicamentosos específicos estão sob investigação. Eles estão sendo testados através de ensaios clínicos. A OMS está coordenando esforços para desenvolver vacinas e medicamentos para prevenir e tratar o COVID-19.
As maneiras mais eficazes de proteger a si e aos outros contra o COVID-19 são limpar frequentemente as mãos, cobrir a tosse com a curva do cotovelo ou tecido e manter uma distância de pelo menos 1 metro das pessoas que estão tossindo ou espirros.

Fonte: Organização Mundial da Saúde

NOTÍCIAS

PROFISSIONAIS DO IDAB APOIAM CAMPANHA DE ISOLAMENTO SOCIAL

Profissionais das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) geridas pelo Instituto Diva Alves do Brasil (IDAB) se engajaram na campanha que chama atenção para a necessidade da população aderir ao isolamento social durante a pandemia de Covid-19.....

UPA COPACABANA PROMOVE NATAL SOLIDÁRIO

O clima natalino tomou conta da UPA Copacabana/RJ e pela primeira vez foi realizada a campanha Natal Solidário 2019, cujo foco era a arrecadação de brinquedos para serem entregues no dia de Natal. Se durante o ano, a equipe da unidade se empenhou em doar am...

IDAB promove Dia D Solidário da Diva em Cacimbinhas/AL

O Instituto Diva Alves do Brasil (IDAB) realizou, no dia 17/05, uma grande ação social para a população do município de Cacimbinhas/AL, onde fica situada a  sede social. O Dia D Solidário da Diva teve uma programação composta por diversos serviços, como aferição de pressão arterial e glicemia, vacinação, doação de cestas básicas...

Quem Somos?

 

IDAB

IDAB - INSTITUTO DIVA ALVES DO BRASIL é uma Organização Social planejada e efetivada em consonância com as diretrizes da Lei Federal nº 9.637, de 15 de maio de 1998, leis estaduais e municipais vigentes que dispõem sobre a qualificação de entidades. Possui quadro social constituído por número ilimitado de associados que compõe a presidência / vice presidência, conselheiros fiscal e administrativo, funcionários efetivos, correspondentes, beneméritos e honorários, formando assim uma equipe administrativa, assistencial e multidisciplinar qualificada em prestação de serviços de Gestão à Saúde.

VALORES

  • Satisfação dos clientes
  • Responsabilidade social
  • Gestão de excelência
  • Parceria
  • Transparência
  • Idoneidade
  • Qualidade
  • Referência em prestação de serviços
  • Assistência multidisciplinar humanizada
  • Segurança do paciente

MISSÃO

Oferecer excelência em gestão e assistência multidisciplinar em saúde qualificada e focada às necessidades dos clientes, garantindo a integralização dos sistemas de saúde.

VISÃO

Ser preferência e referência reconhecida em Organização Social por promover a constante melhoria dos atendimentos e gestão do SUS em todo o território nacional.

Eventos

UPA Delmiro Gouveia.

UPA Delmiro Gouveia - Interno

Evento

Ação

Evento

Ação

Evento

Ação

Evento

Ação

Evento

Ação

Evento

Cruz Vermelha

Evento

Cruz Vemelha

Evento

Cruz Vemelha

Evento

Cruz Vemelha

Evento

Ação

Evento

Ação

Ações Sociais

Em Cacimbinhas / AL

O IDAB, realiza encontro em projeto "Gestante do Brasil", alusivo ao mês das mães. foram contempladas quatro comunidades da cidade. A previsão é passar por outras comunidades nos próximos dias. As contempladas participaram para esclarecimentos sobre o período gestacional. Elas precisam comprovar que também são acompanhadas no pré-natal mensalmente.

Agreste Meridional - PE

Esta semana, mais de 400 pessoas fizeram teste visual gratuitamente. A ação é uma parceria entre IDAB e o COG/PE. Através da triagem, crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos tiveram a oportunidade de saber se possuem algum tipo de deficiência visual. A próxima etapa, para as pessoas que no teste foram diagnosticadas com algum tipo de deficiência visual, e consultar com o médico oftalmologista. Após a consulta com o médico Dr. Rodolfo Ferraço, o paciente recebe informações sobre a sua real necessidade, do uso ou não de óculos, e aqueles pacientes com enfermidade visual serão orientados de que forma devem procurar tratamento para a doença.

Programa Flauta Doce

O IDAB fortalece a integração social por meio da prática orquestral e coral. E` para promover, incentivar e apoiar o desenvolvimento e a interação social pela prática musical coletiva e colaborar com o desenvolvimento do "Programa Flauta Doce" na comunidade.

Delmiro Gouveia

A presidente do IDAB, Edilene Firmino, envolve equipe multidisciplinar em favor das gestantes: médico, equipe de enfermagem, nutricionista, psicólogo e assistente social. Nos encontros são abordados temas relacionados ao pré-natal, desenvolvimento gestacional, orientação postural, planejamento familiar, alimentação, saúde bucal, parto normal e cesárea, e ao aleitamento materno.

Dia das Crianças em Delmiro Gouveia/AL

A UPA Delmiro Gouveia/AL, realizou no dia 12 de outubro de 2018, uma ação social itinerante em alusão ao Dia das Crianças. Um grupo de 20 voluntários do IDAB promoveu um momento de diversão para crianças dos povoados Ponto Chique, Peba e do bairro Novo Horizonte. Nos locais onde passaram, os funcionários do IDAB realizaram brincadeiras e distribuíram lanches, roupas e brinquedos para as crianças carentes do município de Delmiro Gouveia. Para o coordenador administrativo da UPA de Delmiro Gouveia, Rodrigo Machado, ações como essas são de grande valia para a população. “Ficamos muito felizes em poder levar a ação itinerante do dia das crianças do IDAB até as comunidades carentes da cidade. Através de brincadeiras, distribuição de lanches e brinquedos às crianças, também levamos ao conhecimento dessas famílias o trabalho realizado diariamente na UPA”.

Unidades

CACIMBINHAS - AL

SEDE SOCIAL

POV. TIMBAUBA, SN, ZONA RURA, CACIMBINHAS - AL.
FONE:
CEP: 57.570-000

SEDE ADMINISTRATIVA

MACEIÓ

AV. DA PAZ, Nº 910
MACEIÓ -AL
FONE: (82) 3025-4114
CEP: 57022-050

UPA DUQUE DE CAXIAS

UPA 24H

R. JOAQUIM PEÇANHA, Nº 1532, PRQ. LAFAIETE, DUQUE DE CAXIAS - RJ.
FONE: (21) 3671-9696
CEP: 25025-095

UPA JACAREPAGUÁ

UPA 24H

R. ANDRÉ ROCHA, SN - TAQUARA, RIO DE JANEIRO - RJ.
FONE:(21) 2333-6536
CEP: 22730-522

UPA COPACABANA

UPA 24H

R. SIQUEIRA CAMPOS, 129 - COPACABANA, RIO DE JANEIRO - RJ.
FONE:(21) 2333-9287
CEP: 22031-071

UPA BOTAFOGO

UPA 24H

R. SÃO CLEMENTE, S/N - BOTAFOGO, RIO DE JANEIRO - RJ.
FONE: (21) 2334-4011
CEP: 22250-040

Nossa História

-

-

-

-

-

-

-

-

Portal da transparência

Contatos

Informações de Contato

IDAB
Av da Paz, 910 - Jaraguá
Maceió, AL - CEP: 57022-050
E-mail: contato@idabsocial.org.br
Tel: (82) 3025-4114